Polly. Nasci no Guanabara III, periferia de Goiânia, sou filha de mulher brava e pai de apelido “índio”. Sou bacharel em Direito pela Universidade Federal de Goiás. E também me formei em Audiovisual e Cinema pela Escola Pública Vila das Artes, em Fortaleza. Trabalho com cinema e agricultura regenerativa. Escrever e pensar imagens é o meu jeito de aterrar. Planto vírgulas falsas e bananeiras na agrofloresta. Acredito na terra. Na terra que nasci e na terra que cultivo.

Oskar. Metade alemão, metade brasileiro, mas me sinto mais em casa no Brasil. E entendendo meus privilégios como europeu tento agir para reduzir os danos que a Europa fez e faz até hoje, e isto é, com tudo que tenho: plantar, reflorestar!

0

Carrinho de compras